Converge Comunicações -

RSS Feed Compartilhe TI INSIDE Online no Facebook Compartilhe TI INSIDE Online no Twitter Compartilhe TI INSIDE Online no Google+ Compartilhe TI INSIDE Online no Linkedin

Kaspersky Lab alerta que 32% dos usuários deixam outras pessoas usarem seus dispositivos sem precauções

Postado em: 20/01/2015, às 20:29 por Redação

De acordo com uma pesquisa realizada em conjunto pela B2B Internacional e Kaspersky Lab, 32% dos entrevistados que compartilham um dispositivo habilitado para Internet com seus familiares, colegas ou amigos, não tomam todas as precauções para proteger suas informações. Eles não veem os riscos associados ao compartilhamento desses dispositivos, mesmo que isso possa aumentar significativamente as chances de os dados armazenados no dispositivo serem perdidos ou roubados. Quanto mais pessoas usam um dispositivo, maior é a probabilidade de um deles cometer um erro e cair em um truque cibercriminoso.

Hoje em dia, o proprietário de um computador, celular ou tablet, muitas vezes não é a única pessoa que usa o dispositivo para acessar a Internet – um em cada três entrevistados relatou que compartilha seus dispositivos. 28% dos entrevistados dividem seus dispositivos com outros adultos em sua casa e 5% com crianças, enquanto 1% permite até que colegas e outros conhecidos possam usar seus dispositivos. Note que isso se aplica aos dispositivos que são mais frequentemente utilizados para acessar a Internet, o que significa que eles são mais propensos a manter os dados valiosos, tais como os acessos a contas e senhas.

Deixar um dispositivo compartilhado desprotegido é extremamente perigoso – ninguém tem como saber se os outros usuários estão conscientes das ameaças cibernéticas: um usuário inexperiente pode cair na armadilha de golpistas ou baixar um arquivo executável malicioso. 32% dos entrevistados que partilham os seus computadores, celulares e tablets com os outros não tomam medidas de segurança porque "não veem riscos". Apenas 33% dos usuários fazem cópias de segurança de dados importantes antes de emprestar um dispositivo para outra pessoa, 32% colocam senha para proteger seus dados e 22% procuram não armazenar nenhuma informação importante em tais dispositivos.

"O compartilhamento de um computador ou smartphone aumenta o risco de infecção por malware, perda de dados ou roubo de conta, por isso é importante tomar precauções: sempre fazer backup de arquivos importantes; excluir informações que não devem cair em mãos erradas, especialmente pela desativação do preenchimento automático de formulários; tentar controlar os direitos de acesso do usuário no dispositivo e – mais importante – programas de uso que oferecem proteção contra ameaças cibernéticas", sugere Peter Aleshkin, gerente de Marketing para consumidores dos mercados emergentes da Kaspersky Lab.

Tags: , , ,

0 Comentários

Deixe o seu comentário!

Nome (obrigatório)

E-mail (não será mostrado) (obrigatório)

Website

Mensagem (obrigatório)



Top