Converge Comunicações -

RSS Feed Compartilhe TI INSIDE Online no Facebook Compartilhe TI INSIDE Online no Twitter Compartilhe TI INSIDE Online no Google+ Compartilhe TI INSIDE Online no Linkedin

Faça compras online com segurança nos feriados de fim de ano

Postado em: 06/12/2016, às 19:48 por Leandro Werder

Esta é uma época de alegria, não de colocar seus dados em perigo! O comércio eletrônico está em alta na América Latina. De acordo com o eMarketer, as vendas online trouxeram quase 50 bilhões de dólares em lucros em 2015, indicando um aumento ano a ano de 23,9%. Com os feriados do fim de ano, familiares, amigos e colegas de trabalho vasculham a internet procurando o presente perfeito por um preço acessível. Apesar do clima de festa, os consumidores devem se preocupar com sua segurança a online, tomando precauções de cibersegurança para melhorar a proteção e evitar brechas.

Amigo secreto, Natal e troca de presente após o as festas (nas primeiras duas semanas de janeiro): nesse período, acontecem muitos ataques a compradores online da América Latina e Caribe. É comum enviar cartões de Boas Festas online (eCards), pois geralmente são gratuitos. Porém, esses e-mails e links podem ser malware disfarçados ou podem direcionar o internauta para páginas com vírus, Trojans e spyware. Nunca abra mensagens que receber de fonte desconhecida e cuidado se um amigo ou familiar enviar uma mensagem com título atraente (clickbait), erros de digitação ou promessa de "negócio imperdível". Se você deseja enviar cartões online, primeiro pesquise quais são os sites seguros. Existem várias versões personalizadas, com animação, que também são seguras.

Cinco dicas que você deve observar ao fazer compras online:

  1. Evite fazer transações em um computador que não seja o seu: Nunca faça compras online em cybercafés, no local de trabalho ou na casa de um amigo ou vizinho. Esses computadores podem ter cookies, registrar seu comportamento online, salvar sua senha e expor você a redes públicas de wi-fi que podem ser hackeadas.
  2. Mantenha seus programas antimalware e antivírus atualizados: Essa dica é principalmente relevante para pessoas que vivem procurando descontos online. Os sites de compras online podem ter janelas pop-up, anúncios spyware e downloads automáticos. Basta um clique errado e o seu computador pode pegar um vírus. A atualização frequente do seu software reduz o risco de infecção porque novas proteções são incluídas para as ameaças que entram no ciberespaço todos os dias.
  3. Verifique com frequência a atividade na sua conta bancária e o seu extrato do cartão de crédito durante o período de compras ativas: Quanto mais você usa o seu cartão, mais aumenta a probabilidade de ter seus dados roubados. Contudo, ao receber uma ligação do seu banco pedindo para você se identificar, não compartilhe suas informações pessoais. É mais seguro verificar o website do banco para confirmar se há algum problema com o seu cartão. Você também pode contratar uma agência de serviço de informação de crédito para receber alertas no caso de atividades suspeitas em sua conta bancária ou uma notificação se alguém fizer, ou tentar fazer, um empréstimo ou transação financeira em seu nome.
  4. Feche os sites que exigem MAIS do que os dados normalmente solicitados em transações: Para fazer uma compra, normalmente são solicitados o seu nome, o seu endereço e o número do seu cartão de crédito. Websites que pedirem outros detalhes, como senhas do cartão de débito ou crédito, provavelmente são fraudulentos.
  5. Evite ofertas com descontos incríveis: Nunca faça o download de cupons e cartões de desconto nem clique em links de "oferta do dia" fornecidos em e-mails ou websites desconhecidos. Esses links e downloads podem conter malware e usados para roubar seus dados pessoais. Se você receber um código de um website para usar ao finalizar a compra no carrinho de compras, geralmente esse método confiável, sendo uma das formas mais seguras de fornecer descontos e cupons. As grandes empresas de vendas online sabem disso e usam essa técnica com muita frequência.

Grandes lojas x Pequenas lojas

Existem dois ataques muito comuns nos serviços de aplicativos na web que os fornecedores usam para ter websites de comércio eletrônico. Cross-site scripting e injeção de SQL (Structured Query Language) (SQL) são ataques em que os hackers escrevem comandos na URL de um site para confundir o servidor web. Quando isso acontece, o website mostra os dados armazenados, que podem incluir o histórico de transações, dados do cartão de crédito, endereços e bancos de dados com os perfis dos clientes.

A maioria das lojas conhecidas online possuem mecanismos para proteger os dados, registros, transações, etc. dos clientes. Esses componentes essenciais incluem firewalls de próxima geração, sistemas de prevenção de invasão, gateways antimalware e antivírus além de firewalls de aplicativos web, entre outros. Infelizmente, as lojas de pequeno porte não têm recursos financeiros para terceirizar a segurança da loja online, e assim, elas expõem seus websites a brechas. Portanto, é mais seguro comprar em lojas online conhecidas. Se você estiver comprando em uma pequena loja online, verifique se o tráfego é codificado (HTTPS) e se tem algum tipo de selo de verificação de terceiros para garantir transações seguras.

Nestes feriados de fim de ano, priorize a sua segurança e não os descontos impossíveis!

Leandro Werder, diretor de Engenharia da Fortinet no Brasil.

Tags: , , , , , , ,

0 Comentários

Deixe o seu comentário!

Nome (obrigatório)

E-mail (não será mostrado) (obrigatório)

Website

Mensagem (obrigatório)



Top