Converge Comunicações -

RSS Feed Compartilhe TI INSIDE Online no Facebook Compartilhe TI INSIDE Online no Twitter Compartilhe TI INSIDE Online no Google+ Compartilhe TI INSIDE Online no Linkedin

ESET divulga relatório com problemas de segurança no terceiro trimestre

Postado em: 28/10/2014, às 20:27 por Redação

A ESET publicou um relatório com as principais vulnerabilidades à segurança identificadas no último trimestre (julho a setembro). O documento foi gerado a partir da análise de problemas enfrentados por usuários e empresas e que, na maior parte das vezes, foram gerados por falhas e bugs em sistemas, assim como pela conduta inadequada dos internautas.

Os especialistas da ESET dividiram as vulnerabilidades em dois grandes pilares:

Vulnerabilidades em sistemas e protocolos de comunicação: Esta é uma fraqueza que está em um computador e que pode ser explorada por uma ou mais ameaças, resultando em um risco à segurança da informação. No trimestre, as três ameaças que mais chamaram atenção foram: o Shellshock, o BadUSB e a falha no WordPress.

O Shellshock é uma vulnerabilidade grave no Bash, interpretador de comandos mais utilizados no GNU / Linux e em muitos outros sistemas baseados em Unix, como Android e Mac OS X. Ela permitiu a execução de código remoto para obter o controle de servidores web, roteadores, smartphones e computadores.

Já o BadUSB permite, de forma imperceptível pelo usuário, ignorar as proteções instaladas para prevenir infecções em dispositivos USB, como pen drives, teclados, mouses, câmeras web ou discos rígidos externos e, assim, permitir que o atacante infecte o equipamento.
Por fim, a falha do WordPress permitiu que o atacante fizesse o download de todos os arquivos maliciosos em servidores vulneráveis, porém confiáveis para os usuários, para realizar injeções de malware, invasões e spams localizados.

Vulnerabilidades Humanas: Os especialistas incluíram nesse quesito todos os problemas de segurança gerados pelo comportamento inadequado do usuário. O caso mais conhecido no período foi o vazamento de fotos íntimas de atriz Jennifer Lawrence e muitas outras celebridades. Tudo começou com um suposto "hacker" que dizia ter em suas mãos centenas de fotos de personalidades famosas, e que iria publicar no decorrer dos dias, e assim o fez.

Nesse caso, o problema poderia ter sido evitado se as vítimas, além de cuidados com sistemas, aplicações e navegadores, garantissem a segurança das comunicações, para evitar a exploração de possíveis vulnerabilidades.

"Por esse motivo, reforçamos a necessidade de os usuários terem a consciência da importância de uma conduta adequada na internet. Configurar senhas fortes e robustas, utilizar criptografia de informações pessoais, implementar a dupla autenticação e, claro, usar o máximo do bom senso, são recomendáveis. Além disso, deve-se investir em uma solução de segurança proativa sempre atualizada", avalia Ilya Lopes, especialista de segurança da ESET América Latina.

Tags: , , , ,

0 Comentários

Deixe o seu comentário!

Nome (obrigatório)

E-mail (não será mostrado) (obrigatório)

Website

Mensagem (obrigatório)



Top