Converge Comunicações -

RSS Feed Compartilhe TI INSIDE Online no Facebook Compartilhe TI INSIDE Online no Twitter Compartilhe TI INSIDE Online no Google+ Compartilhe TI INSIDE Online no Linkedin

Inglesa RanPlan chega ao Brasil para oferecer software 3D ao mercado wireless

Postado em: 02/11/2015, às 20:27 por Redação

A RanPlan chega no mercado brasileiro e lança o iBuildNetTM, software de modelagem 3D para arquitetura de estação base de instalação de rede sem fio para longo alcance de conectividade. A solução busca assegura às operadoras, integradores e empresas de engenharia a capacidade de centralizar as instalações de estações em que podem ser ampliados e reduzidas  cargas de rede, sejam temporárias ou permanentes.

A RanPlan será representada no Brasil pela Digital Pacific, empresa responsável por desenvolver mercado no País por meio de consultoria, vendas e implementação de soluções para companhias do setor de telecomunicações. "O Brasil é o maior Mercado da América Latina, com um crescimento contínuo de implementações de redes sem fio, e a Ranplan prevê a necessidade de ferramentas eficientes de planejamento e otimização para suportar essa demanda", comenta Curtis Olinger, vice-presidente de Vendas para Américas da RanPlan.

Além disso, a Digital Pacific será responsável pela ampliação da carteira de clientes para explorar o potencial que a RanPlan. "O setor de telecomunicações no Brasil ainda tem muito a ser explorado e contar com uma companhia como a RanPlan favorecerá a negociação e expansão dos negócios do setor" comenta Larry Cooke, country manager da Digital Pacific.

O iBuildNetTM permite planejar ambientes restritos internos (indoor) ou externos (outdoor) para redes heterogêneas, além de possibilitar o planejamento da estrutura para evitar interferência nas camadas macro exteriores, nas redes sem fio internas e nas redes por Sistemas de Antenas Distribuídas (DAS) para cobertura e carregamento de dados no interior e exterior de ambientes. "O iBuildNet reduz o tempo do planejamento para implementação de complexas redes sem fio, com capacidade de design automático para atender os desafios dinâmicos da engenharia requisitadas pela infraestrutura do DAS", comenta Olinger.

Tags: , , ,

0 Comentários

Deixe o seu comentário!

Nome (obrigatório)

E-mail (não será mostrado) (obrigatório)

Website

Mensagem (obrigatório)



Top