Converge Comunicações -

RSS Feed Compartilhe TI INSIDE Online no Facebook Compartilhe TI INSIDE Online no Twitter Compartilhe TI INSIDE Online no Google+ Compartilhe TI INSIDE Online no Linkedin

Sistema criado pela Intel oferece ao professor Stephen Hawking nova habilidade para se comunicar

Postado em: 02/12/2014, às 11:34 por Redação

A Intel demonstrou pela primeira vez uma nova plataforma de comunicações criada para substituir o sistema usado há décadas pelo professor Stephen Hawking, melhorando sua habilidade para se comunicar com o mundo. A plataforma personalizável estará disponível para comunidades tecnológicas e de pesquisa em janeiro de 2015.

Ao estudar as necessidades agudas de Hawking e seu relacionamento muito específico com a máquina, a Intel forneceu uma solução sob medida – chamada ACAT (Assistive Context Aware Toolkit) – que resulta em uma comunicação melhorada entre Hawking e o mundo. Ela possui o potencial para tornar-se o backbone de um sistema moderno e personalizável que outros pesquisadores e tecnólogos podem usar para beneficiar aqueles com doenças neurológicas motoras (MND, na sigla em inglês) e tetraplegia.

Hawking possui MND relacionada com a esclerose lateral amiotrófica (ELA), uma condição que progrediu com o passar dos anos. Ele está quase que inteiramente paralisado e se comunica por meio da tecnologia.

"A medicina não foi capaz de me curar, então eu dependo da tecnologia para me ajudar a comunicar e viver", disse Hawking. "A Intel tem me apoiado por mais de 20 anos, me permitindo fazer o que eu amo todos os dias. O desenvolvimento deste sistema tem o potencial de melhorar as vidas das pessoas deficientes de todo o mundo e está liderando o caminho em termos de interação humana e da habilidade de superar as barreiras que estiverem pelo caminho para a comunicação".

Uma equipe multidisciplinar de pesquisadores da Intel Labs tem trabalhado por três anos com Hawking para substituir seu atual sistema de comunicação por tecnologia moderna. Hawking foi fundamental no processo de design, fornecendo feedback constante para ajudar a melhorar o sistema com interação diária.

"O Professor Hawking usou de forma única a tecnologia para se comunicar com o mundo por décadas, mas seu sistema antigo poderia ser melhorado com o uso de apps modernos e websites atuais com um computador sem um teclado ou mouse", disse Wen-Hann Wang, vice-presidente da Intel e diretor da Intel Labs. "Juntos, conseguimos uma experiência de comunicação holisticamente melhor, que contribui para a sua independência contínua e pode ajudar a abrir portas para aumentar a independência de outros".

Da mesma forma que as peças de um motor que interagem perfeitamente para fazer um carro funcionar, a interface de usuário do software criado pela Intel possibilita que tecnologias novas e existentes trabalhem de forma eficiente entre si. O resultado: a velocidade de digitação de Hawking é duas vezes mais rápida, e há uma melhoria de 10 vezes em tarefas comuns, com mais facilidade, precisão e rapidez na navegação, edição, gerenciamento e navegação Web, emails e documentos; ou abrir, salvar e editar um novo documento e alterar entre as tarefas.

O atual sensor para o queixo é detectado por um switch infravermelho instalado nos óculos para ajudá-lo a escolher um caractere no computador. A integração do software de uma empresa britânica de tecnologia de linguagem chamada SwiftKey* melhorou muito a habilidade do sistema para aprender com Hawking e prever seus próximos caracteres e palavras para que ele tenha que digitar menos do que 20% de todos os caracteres.

Esta informação é enviada para seu atual sintetizador de fala para que ele possa se comunicar com os outros por meio de seu notebook Lenovo rodando o Microsoft Windows. Por exemplo, para realizar uma busca na Web, Hawking anteriormente tinha rotas árduas, precisando sair da sua janela de comunicação, navegar com o mouse para abrir o navegador, navegar com o mouse novamente até a barra de busca e finalmente digitar o texto para a pesquisa. O novo sistema automatiza todos esses passos para um processo perfeito e rápido.

Software aberto e personalizável

A tetraplegia e a MND afetam mais de 3 milhões de pessoas em todo o mundo. A MND afeta atividades voluntárias dos músculos, como a fala, o e caminhar, engolir movimentos gerais do corpo. Progressiva na natureza, ela causa deficiência crescente e a eventual morte.

Lama Nachman, da Intel Labs, uniu-se à Hawking no palco em Londres para delinear como eles trabalharam juntos para inspirar a comunidade de pesquisa. "A tecnologia para deficientes é muitas vezes a prova de fogo para a tecnologia do futuro", disse. "Da comunicação à pesquisa genética, a tecnologia está começando a abrir portas para possibilidades que apenas podem ser imaginadas".

O novo toolkit criado pela Intel pode ser personalizado e alterado para atender diferentes usuários. O sistema criado pela Intel é uma moderna interface de software para que pesquisadores e tecnólogos criem soluções personalizadas habilitadas pelo toque, pelo piscar dos olhos, movimentos da sobrancelha e outras entradas do usuário para a comunicação.

Com a plataforma sendo acessível e gratuita, Intel e Hawking desejam que as comunidades tecnológicas e de pesquisa – como as focadas em sensores, previsão de texto, reconhecimento de contexto e design da interface de usuário – aproveitem isso e tragam novas e melhoradas soluções para o mercado.

Tags: , , , , ,

0 Comentários

Deixe o seu comentário!

Nome (obrigatório)

E-mail (não será mostrado) (obrigatório)

Website

Mensagem (obrigatório)



Top