Converge Comunicações -

RSS Feed Compartilhe TI INSIDE Online no Facebook Compartilhe TI INSIDE Online no Twitter Compartilhe TI INSIDE Online no Google+ Compartilhe TI INSIDE Online no Linkedin

Unify prevê novos modelos de negócios sob demanda em 2016

Postado em: 10/12/2015, às 21:36 por Redação

A Unify elaborou uma lista de previsões sobre como as empresas continuarão evoluindo em 2016 e nos próximos anos dentro do conceito da nova forma de trabalhar (New Way To Work – NW2W). Direcionada pela ascensão do profissional que trabalha a partir de qualquer local e pela mudança da economia sob demanda, ela acredita que as empresas utilizarão cada vez mais dados com aplicação prática, conteúdo de mídias sociais e novos modelos de consumo para impulsionar o engajamento dos clientes. Além disso, tecnologias mais avançadas voltadas para apoiar os profissionais elevarão ainda mais os níveis de produtividade e o equilíbrio entre trabalho remoto e nos escritórios.

"A Nova Forma de Trabalhar está influenciando, de maneira crescente, o envolvimento dos clientes e aumentando a demanda por ferramentas tecnológicas e dados que possibilitem aos negócios um melhor entendimento e atendimento de seus clientes", disse Dean Douglas, CEO da Unify. "Acreditamos que 2016 teremos uma mudança fundamental na maneira como as empresas se comunicam – tanto entre colaboradores quanto com clientes –, o que vai proporcionar maior flexibilidade, produtividade e conhecimento", completa.

Tendências em 2016 e nos próximos anos:

Até 2018, o monitoramento automatizado da saúde e do bem-estar dos profissionais remotos se tornará um elemento fundamental do engajamento e da produtividade dos funcionários.  Wearables para saúde e condicionamento físico se integrarão com ferramentas de colaboração e fluxo de trabalho para orientar e manter o equilíbrio ideal no estilo de vida de trabalho remoto.

Isso significa que os aplicativos de colaboração informarão quando é hora de se movimentar, caminhar, fazer uma pausa ou aliviar o estresse, equilibrado a agenda entre trabalho sedentário e atividade física – e talvez realizar a próxima teleconferência enquanto caminha com o cachorro!

Modelos de negócios sob demanda – "Tudo-como-Serviço" e plataformas tecnológicas vão experimentar uma aceleração sem precedentes em 2016. Viabilizados pela nuvem, recursos sociais e móveis "sob demanda" serão aplicados a modelos de consumo e novas maneiras de fazer negócios.

Serviços com baixa ou nenhuma intervenção realizados via aplicativos móveis serão personalizados e ganharão adeptos novos e mais leais entre consumidores, o que, por sua vez, incentivará o interesse e a procura por "serviços sob demanda" no setor B2B.

Coleta de dados com aplicação prática estimula relacionamento com clientes e aprimora serviços – embora o Big Data vá desempenhar um papel cada vez mais importante ao ajudar as empresas a gerar inteligência que as diferencie, dados históricos acumulados sobre o uso dos clientes, preferências, perfis ou classificações on-line, serviços baseados em proximidade e/ou em localização como GPS podem ser combinados para fornecer maneiras simples, mas eficazes de conhecer, atender e dar respostas melhores aos clientes.

O destaque neste modelo é que alguns dos dados mais relevantes sobre os clientes com aplicação prática são mais facilmente acessados, compreendidos e usados para uma experiência mais personalizada e útil.

Vamos ver a ascensão da \experiência omnicanal dos clientes\alimentar uma exibição de dados omnicanal de 360 graus que se tornará estrategicamente necessária no engajamento e relacionamento com os clientes e precisará de atendimento.

Tenha em mente que a nova experiência omnicanal é diferente de multicanal. Omnicanal significa forma fluída e perfeita entre mídias (texto, áudio, web, vídeo, social), dependendo da preferência, do contexto e do dispositivo, ao invés da interação em um canal de comunicação escolhido.

Ainda no ano que vem, começará a aparecer a unificação dos silos de conteúdo das mídias sociais por meio de protocolos e APIs padronizados. Isto significa que as grandes redes sociais terão uma maneira universal de criar e compartilhar conteúdo, feeds e atividades. E a necessidade de apps de "consolidação" desaparecerá lentamente já que não será preciso manter diversos formatos e interfaces proprietários para cada rede social.

Dentro de quatro anos, será aprovado um padrão global para tráfego e conteúdo de mídias sociais, assim como existem os protocolos padronizados de e-mail. Essas normas serão amplamente adotadas e os formatos proprietários de conteúdo e protocolos nas mídias sociais desaparecerão. Pense em "uma conversa social" que reúne todo o conteúdo de um usuário em uma única forma de exibição.

Carros com direção autônoma serão mais comuns nos próximos quatro anos, permitindo a reutilização do tempo do trajeto como tempo de trabalho produtivo, sem riscos à segurança e questões legais associadas com trabalho e direção.

Pense nas incontáveis horas no trânsito que poderiam ser usadas de forma mais produtiva– você pode ganhar qualidade de vida podendo terminar de escrever o relatório no caminho de casa ou responder os e-mails durante o trânsito.

Tags: , , , , , , , ,

0 Comentários

Deixe o seu comentário!

Nome (obrigatório)

E-mail (não será mostrado) (obrigatório)

Website

Mensagem (obrigatório)



Top