Converge Comunicações -

RSS Feed Compartilhe TI INSIDE Online no Facebook Compartilhe TI INSIDE Online no Twitter Compartilhe TI INSIDE Online no Google+ Compartilhe TI INSIDE Online no Linkedin

Friogan, da Colômbia, contrata serviço de computação em nuvem da BT

Postado em: 14/05/2013, às 17:59 por Redação

A Friogan, que possui cinco unidades de processamento de carne na Colômbia, contratou os serviços BT Cloud Compute, da BT, com a expectativa de reduzir custos de TI.

O projeto tem como objetivo, também, adaptar a infraestrutura tecnológica da companhia de forma rápida e eficaz às mudanças operacionais que forem necessárias.

O serviço possibilitará à Friogan consolidar sua infraestrutura de TI combinando seus próprios datacenters e nuvens privadas com os recursos globais da BT em computação em nuvem.

Assim, a produtora e distribuidora de carne da Colômbia terá flexibilidade para criar melhor a solução para suas exigências de TI, podrá lançar novos serviços e adotar novas aplicações de forma rápida e eficiente, com flexibilidade, segurança e controle para a empresa.

Outro benefício proporcionado pela contratação do serviço da BT é o controle dos serviços prestados e das despesas com seu uso. 

"O BT Cloud Compute representa uma forma atual e inovadora para resolver muitos dos problemas que enfrentamos na implementação e expansão de nossa infraestrutura de TI", explica Armando Daza Daza, presidente da Friogan.

"O acordo com a Friogan é mais uma demonstração do reconhecimento da posição de liderança da BT em nuvem também na América Latina", ressalta Jacinto Cavestany, vice-presidente da BT para Península Ibérica e América Latina.

Com serviços hospedados em mais de 45 datacenters em todo o mundo, e gerenciamento feito diretamente pelo cliente por meio de um painel de autoatendimento, o BT Cloud Compute foi projetado para oferecer aderência a normas e legislações locais, permitindo que os clientes decidam exatamente onde hospedar seus dados confidenciais.

A infraestrutura de nuvem da BT utiliza datacenters localizadas no Brasil, Colômbia, Estados Unidos, Reino Unido, Espanha, França, Itália, Cingapura e Hong Kong.

Segundo a companhia, em breve serão usados também datacenters instalados na Alemanha, China, Índia, Argentina e México.

Tags: ,

0 Comentários

Deixe o seu comentário!

Nome (obrigatório)

E-mail (não será mostrado) (obrigatório)

Website

Mensagem (obrigatório)



Top