Converge Comunicações -

RSS Feed Compartilhe TI INSIDE Online no Facebook Compartilhe TI INSIDE Online no Twitter Compartilhe TI INSIDE Online no Google+ Compartilhe TI INSIDE Online no Linkedin

O avanço da cultura de vídeo para atividades colaborativas

Postado em: 16/11/2015, às 22:27 por Pierre Rodríguez

A inovação sempre foi protagonista das ações humanas em suas diversas vertentes compreendidas como comportamento, trabalho, cultura, relações sociais e a subjetividade das pessoas, tudo isso é parte integrante da moldura da formação do homem pós-moderno.

A globalização, a explosão demográfica, a evolução da tecnologia e da comunicação e suas influências nas novas gerações fizeram com que a sociedade passasse por processos de transição. E toda essa transformação das relações humanas fez com que o tempo das pessoas se tornasse precioso, exigindo inovações e novos canais de relacionamentos.

O uso do computador e da Internet influenciou de forma muito significativa todas as camadas da sociedade, sobretudo no que se refere à comunicação e às relações humanas. A melhoria do trabalho em equipe, o aumento da produtividade e o encurtamento das distâncias proporcionados por essas tecnologias provocaram verdadeiras transformações no setor produtivo e logicamente nas relações humanas, tornando o contato mais fácil, aproximando objetivos e estimulando reflexões sobre a criação e extraindo o melhor dessas inovações para uma atividade mais colaborativa.

As organizações vivem em 2015 novas tendências em suas relações sociais e de trabalho, e a colaboração em vídeo se torna um elemento cada vez mais importante para otimizar suas atividades através de diversas plataformas motivadas pela praticidade, principalmente com as soluções de colaboração em nuvem, passando pela "consumerização" de TI e mobilidade.

A propósito, em se tratando de inovação, as soluções em cloud têm sido protagonistas. Empresas que oferecem a vídeo colaboração por meio de nuvem ganham cada vez mais espaço no mundo corporativo por dispensar a necessidade e a infraestrutura de uma rede tradicional, viabilizando a conexão através de dispositivos móveis.

Essa modalidade tornou-se um canal importante para o fluxo de informações, reuniões e experiências que proporcionaram a otimização do tempo, redução de custos em viagens e hospedagens, facilitando o andamento das estratégias das empresas.

A cultura de vídeo colaborativa vem se popularizando em diferentes aplicações nas empresas, instituições, entre outras organizações, independentemente do setor de atuação e do porte. Observamos esta cultura disseminando-se pelas PMEs e igualmente impulsionando os trabalhos em home office. Observamos que 25% da geração Y, hoje, atua em cargos intermediários, sendo que em dez anos já serão 75% dessa geração Y a incorporar essa cultura em suas atividades.

Adotar os serviços de videoconferência e de vídeo colaboração através de soluções baseadas em nuvem significa uma economia importante quando comparada aos métodos tradicionais de comunicação, por isso a ferramenta ganha espaço como aliada às inovações necessárias dentro do cotidiano, seja corporativo como das pessoas.

Hoje existe um consenso em relação ao fato de que o crescimento e, principalmente, a competitividade das empresas dependem muito da capacidade de produzir conhecimento, inovar e apresentar a todos os seus públicos a capacidade de oferecer não só serviços e produtos, mas também qualidade de vida aos colaboradores e à sociedade que está atenta cada vez mais às atividades das corporações.

Em um cenário econômico global intensamente competitivo, as organizações são levadas de maneira contínua a aumentar a sua capacidade de inovação. Pois, são sempre esperadas novas formas de se comunicar, conectar, enfim, fazer com que as pessoas fiquem cada mais próximas umas das outras. A necessidade da comunicação sempre foi uma essência do ser humano, por isso novos métodos sempre são esperados para facilitá-la.

A busca de inovação é sempre acompanhada por um processo de aprendizado dos valores socioculturais, além da experiência do usuário, pois a inovação é a palavra-chave do século em que vivemos.

Pierre Rodríguez, vice-presidente para CALA (América Latina e Caribe) na Polycom.

Tags: , , ,

0 Comentários

Deixe o seu comentário!

Nome (obrigatório)

E-mail (não será mostrado) (obrigatório)

Website

Mensagem (obrigatório)



Top