Converge Comunicações -

RSS Feed Compartilhe TI INSIDE Online no Facebook Compartilhe TI INSIDE Online no Twitter Compartilhe TI INSIDE Online no Google+ Compartilhe TI INSIDE Online no Linkedin

Os recordes da Black Friday: oportunidade e desafio para o e-commerce

Postado em: 19/11/2014, às 16:09 por Vinicius Agostini

Seguindo uma tendência mundial, o Brasil envolve-se cada vez mais com a Black Friday. Ao contrário do que acontece fora do país, o evento é um movimento exclusivamente online e, por isso, deve estabelecer novos recordes no e-commerce brasileiro em 2014. De acordo com uma estimativa da E-bit, empresa especializada em dados sobre o setor, o valor comercializado deve chegar a R$ 1,2 bilhão, 56% superior ao de 2013, quando a data movimentou R$ 770 milhões. Esse é apenas um dos impressionantes números que envolvem a Black Friday.

Sem dúvida, o aumento da confiança do público em relação às compras online é um dos principais motivadores. Porém, tamanha expectativa em relação à data também é fruto da crescente presença online dos brasileiros. Segundo a Akamai – estudo State of The Internet -, o Brasil apresentou o maior crescimento de endereços IPv4 no mundo durante o segundo trimestre de 2014, com aumento de 43% em relação ao último período de um ano.

Proporcionalmente ao crescimento da popularidade da Black Friday e das compras online como um todo, há o consequente aumento do volume de acessos aos portais de e-commerce do país. No último ano, observamos no Brasil um crescimento de 50% no volume de acessos em relação a 2012 e, mesmo com velocidades médias inferiores às dos outros países experientes na data, o e-commerce preparou-se e aumentou suas vendas em 217% em relação ao ano anterior. Para 2014, as expectativas só aumentam: é estimado pela E-bit um total de 3,37 milhões de pedidos feitos pela internet. Por isso, a evolução do setor não pode parar.

Assim, algumas características tornaram-se primordiais para que e-commerces de qualquer porte tenham um bom desempenho em períodos como a Black Friday:

  • Aumento de desempenho: o uso de técnicas de otimização do "front-end", combinadas com o uso de uma CDN (content delivery network) aumenta a performance de um site, reduzindo dramaticamente o tempo de carregamento do usuário.
  • Capacidade sob demanda, com suporte a picos de tráfego e proteção contra ataques DDoS.
  • Disponibilidade: manter o site disponível, com a estrutura adequada em todos os momentos da compra, da primeira página ao carrinho de compras.

Com tais recursos é possível conquistar resultados importantes para o e-commerce: aumento significativo na taxa de conversão e redução de custo. Então, mãos a obra e boas vendas!

Vinicius Agostini, diretor de Marketing da Exceda.

Tags: , , ,

0 Comentários

Deixe o seu comentário!

Nome (obrigatório)

E-mail (não será mostrado) (obrigatório)

Website

Mensagem (obrigatório)



Top