Converge Comunicações -

RSS Feed Compartilhe TI INSIDE Online no Facebook Compartilhe TI INSIDE Online no Twitter Compartilhe TI INSIDE Online no Google+ Compartilhe TI INSIDE Online no Linkedin

Produtos eletrônicos lideram intenção de compra no Black Friday Brasil

Postado em: 26/11/2014, às 11:30 por Redação

Uma pesquisa com 4.626 pessoas de todas as regiões do País, na semana que antecede o Black Friday, aponta a intenção de compras dos brasileiros durante o evento. Realizado pelo MeSeems, empresa de pesquisas web-mobile, o levantamento se baseou em uma amostra respondente com 86% das pessoas entre 18 anos e 40 anos de idade, das quais 58% são homens e 42% mulheres.

Entre os respondentes, 92% sabem o que é o Black Friday e apenas 8% desconhecem o evento. Dos que conhecem, 66% pretendem efetuar compras na data e de todos que pretendem comprar, 71% se dizem influenciados a comprar mais pelo Black Friday. Em relação aos produtos mais procurados, em uma questão de múltipla resposta, os eletrônicos em geral lideram a intenção de compra, com 49%, seguido de celulares e roupas, com 36% cada um, calçados (30%), eletrodomésticos (29%) e computadores / notebooks (26%).

Quando questionados quanto pretendem gastar, 38% afirmaram mais de R$ 500,00, enquanto que 15% estimam desembolsar entre R$ 101,00 e R$ 200,00 e apenas 3% das pessoas vão gastar até R$ 50,00.

Mais da metade dos respondentes (57%) consideram os descontos do BF significativos em relação à média de preço durante o ano e 43% declararam não confiar nos descontos para a data. Além disso, das 1.565 pessoas que não pretendem comprar no Black Friday, 76% já costumam efetuar compras em e-commerces, contra 34% que preferem comprar em lojas físicas.

Quanto às lojas mais confiáveis pelos usuários, em uma questão de múltipla escolha, aponta que a Americanas.com lidera com 71%, seguida do Submarino (63%), Saraiva (58%) e Walmart com 55%. Também figuram na lista a Netshoes, com 51%, Magazine Luiza, com 47% da preferência, e Ponto Frio, com 46%.

MeSeems

O MeSeems foi fundado em 2013 após Renato Alves Chu e Lucas Momm de Melo deixarem seus respectivos trabalhos em bancos de investimento. Com a vontade de empreender, eles criaram uma empresa de tecnologia com outros dois sócios, Thomas Vilhena e Nicholas Mizoguichi, focada na geração de informações de valor para seus clientes, usuários e para a sociedade como um todo.

O aplicativo, de abrangência nacional, realiza monitoramento de opiniões, por meio de smartphone, possibilitando uma nova forma de comunicação entre empresa e consumidores, de forma divertida e funcional, além de recompensar os participantes. MeSeems é uma expressão em inglês para it seems to me ou in my opinion ("na minha opinião").

Tags: , , , , , , , ,

0 Comentários

Deixe o seu comentário!

Nome (obrigatório)

E-mail (não será mostrado) (obrigatório)

Website

Mensagem (obrigatório)



Top